Conjunto Habitacional de Interesse Social

O projeto de Habitação de Interesse Social (HIS) é um projeto elaborado por Kelly Borba, Janaína Cristóvão e Manuela Beninca, acadêmicos da disciplina de Teoria e Projeto V do curso de Arquitetura e Urbanismo da Uniasselvi de Timbó. A princípio, este foi um projeto construído apenas para fins educativos.

Prancha-02_Planta-de-Implantcao-Humanizada

Partido arquitetônico e justificativa do projeto

O primeiro pensamento que nos apetece é “para quem isto será feito?”.
Um projeto residencial é feito para pessoas, este é o ponto principal do projeto: pessoas. As pessoas da região que o projeto será implantado são simples, educadas e humildes, todos com suas particularidades, seja idosos, crianças, famílias de um ou até mesmo cinco integrantes, enfim, uma infinidade de famílias à atender. E para todos sentirem-se à vontade a escala humana é essencial, tal como respeitar a bagagem cultural da região.

As pessoas gostam de se comunicar, muitas vezes elas precisam deste contato, áreas de socialização ajudam a suprir esta vontade de conhecer o próximo, mas não é por que trata-se de um conjunto habitacional que a privacidade deve ser perdida, todos merecem descansar em seu lar sem serem “espionados” em tempo integral.

A vida está cada vez mais agitada, por isso um ambiente funcional é extremamente necessário. Ambientes dispostos de maneira correta aos pontos cardeais dispõem aos usuários mais conforto na permanência em sua casa, além de trazer economia em refrigeração. No projeto os moradores também podem optar por uma caminhada para relaxar ao fim de um longo dia de trabalho sem precisar desviar de carros, pois neste projeto prezamos o pedestre como o usuário principal, depois o ciclista e por fim o carro.

O público alvo escolhido para o projeto foi de renda mensal de 3 à 6 salários mínimos, pois após analisar o entorno percebeu-se que as famílias da região são geralmente compostas por trabalhadores da própria região, sendo que as empresas do entorno pagam de 1 salário mínimo e meio até 3 (sm) aos seus funcionários, ou seja, a renda de 3 à 6 salários mínimos é alcançada com facilidade nesta região.

Prancha 1_Estudo do terreno e entorno

Prancha 2_Leis de Blumenau e Plano Diretor

Prancha 3_Levantamento de Normas relacionadas a Central de gás e Acessibilidade

Prancha 4_Partido Arquitetônico Prancha 5_Conceito_Idéia_Croquis

Prancha 5_Conceito_Idéia_Croquis

 

Anteprojeto

 

Prancha 01_Planta de Implantação e Cobertura

Prancha 02_Planta de Implantação Humanizada

Prancha-03_Planta-de-Implantação-dos-Blocos-e-Tipologias

Prancha 04_Planta Baixa_Tipologias

Prancha 05_Cortes e Vistas Esquemáticas

Prancha 06_Fachadas Bloco K1

Prancha 07_Cortes e Fachadas Bloco M

Prancha 08_Fachadas Bloco M

Prancha 09_Cortes e Fachada Bloco J

Prancha 10_Fachadas Bloco J_Quadros gerais

Seja ético, se for copiar, mencione as fontes.

Se gostou compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>